Rio H2K2018 – Festival Internacional de Dança (Cidade das Artes, até 03jun)

Rio H2K2018 – Festival Internacional de Dança

...

Data: 25 de maio até 03 de junho

Local: Cidade das Artes 

Endereço: Avenida das Américas, 5.300 - Barra da Tijuca – RJ

http://cidadedasartes.rio.rj.gov.br/programacao/interna/783
...
...
De 25 de maio a 03 de junho, o Rio H2K 2018 ocupa diversos espaços da Cidade das Artes. Em 7 anos o festival trouxe coreógrafos e companhias de mais de 15 países. Programação para todos os públicos e idades inclui espetáculos, workshops, competições, batalhas de danças, bate-papos e festas.

Entre 25 de maio e 03 de junho, o Rio de Janeiro será palco da oitava edição do Rio H2K. O festival passa a se posicionar como um festival de dança, sem perder a essência e raiz nas danças urbanas, mas como um novo e amplo olhar (através das óticas urbanas) para todas as danças, promovendo outros estilos como jazz fusion, samba, passinho, dança contemporânea e suas múltiplas vertentes de forma ampla e acessível a todos os públicos e idades.

A abertura oficial está marcada para o dia 25, na Grande Sala da Cidade das Artes. Uma das principais características e forças do festival é o seu painel de Workshops, realizado entre os dias 31/05 a 03/06, que promove uma interação intensa e direta com o público colocando cerca de 9 mil alunos para dançar. Para atrair tantos alunos, o Rio H2K conta com os maiores e mais populares expoentes de diversos estilos.

O Showcase tem apresentações de grupos nacionais e internacionais amadores selecionados pelo festival além dos coreógrafos. Em 2017, com o intuito de incentivar e fomentar a profissionalização de grupos de street dance do Brasil, o evento ofereceu um prêmio no valor de R$ 15 mil, para ser investido na montagem de um espetáculo a ser apresentado no Rio H2K deste ano.

Outro ponto alto do evento, o Rio H2K Battles esquenta o clima em uma batalha de dança em seis categorias: hip-hop, popping, locking, house, breaking e passinho. Os vencedores de cada categoria levam uma premiação em dinheiro (entre R$ 500 e R$ 1.500) e o título de melhor dançarino do seu estilo. Todos os participantes que se qualificaram nas eliminatórias também integram o Ranking.

O evento também oferece outras atrações interativas importantes: o Rio H2Kids, uma colônia de férias para crianças de 4 a 10 anos; e o Rio H2K Projetos Sociais, que proporciona aulas regulares de dança ao longo do ano para cerca de 300 crianças em situação de vulnerabilidade social de cinco locais (Viaduto de Madureira, Cidade de Deus, Caju, Complexo do Alemão e Centro), cumprindo um calendário regular de ação social inclusória e comunitária. Os professores dos projetos são figuras reconhecidas e respeitadas em cada uma dessas comunidades e preparam os alunos durante o ano para se apresentarem no festival, durante o Showcase.

E para coroar a interação do público com a cidade, o evento oferece um camping montado nos jardins da Cidade das Artes. O KEMP, como é chamado, é para aqueles que querem viver 24h a experiência do festival, sendo o Rio H2K o primeiro projeto a proporcionar esta experiência na Cidade das Artes.

O Rio H2K tem direção de Miguel Colker e Bruno Bastos, que assina a direção artística e divide a curadoria da mostra de espetáculos com o francês Guy Darmet, idealizador de um dos maiores festivais de dança do mundo, a Bienalle de La Danse de Lyon, e criador da Maison de la Danse.

O festival também mantém uma agência de coreógrafos, a Rio H2K Agency, além de agenciar workshops, coreografias para shows, espetáculos, filmes e videoclipes, uma das principais missões da Agency é mostrar ao mundo a potência dos nossos coreógrafos, de nossa criatividade, e que as danças urbanas brasileiras, em breve, vão conquistar o mundo.