Dansk!BR – Festival Cultural da Dinamarca (Cidade das Artes, 09, 10 e 11 de novembro - sexta a domingo)

Dansk!BR – Festival Cultural da Dinamarca

 

 

...

Data: 09, 10 e 11 de novembro

Horário: sexta às 18h / sábado e domingo ás 10h

Local: Cidade das Artes 

Endereço: Avenida das Américas, 5.300 - Barra da Tijuca – RJ

http://cidadedasartes.rio.rj.gov.br/programacao/interna/959
...
...
Instituto Cultural da Dinamarca celebra 10 anos de atuação no Brasil e realiza festival multicultural nos dia 9, 10 e 11 de novembro na Cidade das Artes.

Com uma programação de shows, concertos, mostra de cinema, espetáculos de dança, oficinas, debates, experiências gastronômicas, o público terá acesso às conexões artísticas e culturais desenvolvidas entre os dois países nesse período.

O grupo BaianaSystem, o DJ Rumpistol, o artista digital Muti Randolph e o chef de cozinha Simon Lau são alguns destaques de um fim de semana repleto de atrações nacionais e internacionais.

Quando as portas da Cidade das Artes se abrirem à partir das 19h, terá início a primeira edição do DANSK!!BR – a celebração pelos 10 anos de atuação do Instituto Cultural da Dinamarca no Brasil.]

Ao olhar para trás, é possível enxergar com clareza uma série de conexões prolíferas, que resultaram em parcerias criativas entre agentes de cultura dos dois países. Esse intercâmbio fomentado pelo ICD, viabilizou centenas de obras artísticas e suas marcas CineKlap e Dança DK são exemplos de algumas importantes realizações. No festival, será lançado o projeto Orelhão – DK pra lá  voltado para música instrumental.

“Criamos plataformas que possibilitam a troca de experiências e que possam resultar em relações sólidas e duradouras” observa Maibrit Thomsen – diretora do Instituto.

Durante o fim de semana, o público poderá vivenciar boa parte da cultura do país nórdico presente no Brasil e será montado o Hygge Lounge - um ambiente aconchegante ao modo dinamarquês, aonde será oferecido cervejas artesanais, cafés e comidinhas típicas dinamarquesas preparadas pela chef Kamille Plon Santos.

Neste mesmo espaço acontecerá o “Mapping Challenge”, onde 10 trabalhos serão previamente selecionados para uma competição criativa de arte digital. Com curadoria do carioca Muti Randolph, VJs, artistas visuais, designers, djs e produtores mostrarão seus trabalhos de mapping projetados nas grandes superfícies da Esplanada, trazendo uma outra dimensão de vida e expressividade à obra do arquiteto Jean Nouvel.“As qualidades que serão julgadas passam pela relação com a arquitetura, a qualidade técnica entre áudio e video, originalidade e conceito. O melhor trabalho será premiado com uma residência artística na Dinamarca a ser realizada em 2019.

Entre os destaques:

BaianaSystem – Participação do músico dinamarquês Rumpistol

Um dos nomes mais badalados da música brasileira no momento, aqui e no exterior. A banda capitaneada por Roberto Barreto e Russo Passapusso, mistura o sound system jamaicano com a guitarra baiana, transitando entre os ritmos samba-reggae e ijexá. O grupo também mistura outros gêneros afrolatinos como MPB, frevo, afrobeat, reggae, cumbia e pagode baiano. Por se tratar de um sistema de som, a configuração do grupo pode variar de acordo com a apresentação. No show vão mostrar a nova colaboração com o produtor dinamarquês Rumpistol, que adicionará uma dimensão extra ao seu poderoso show.

CINEKLAP – Mostra de cinema dinamarquês

Com curadoria de Tatiana Groff – principal referência de cinema nórdico no Brasil, a mostra apresenta produção cinematográfica que destaca assuntos presentes na trajetória do ICD no Brasil, e exibe quatro títulos: Big Time (acompanha a vida do arquiteto Bjarke Ingels ao longo de seis anos); Um Homem em Derrocada (após trágico acidente o reconhecido artista plástico Per Kirkeby perde a capacidade de ver as cores); Olafur Eliasson- Espaço É Processo (o filme acompanha o processo criativo de suas grande instalações) e Design Para A Vida (narra a trajetória do designer Borge Mogensen, que é um dos maiores nomes da estética escandinava) “Será uma seleção pautada em arquitetura, urbanismo, arte e sociedade, que dialoga ao mesmo tempo com a história do ICD  e também mantém o olho no futuro”, afirma Tatiana.

Festa de Babette – Banquete de culinária, música, literatura e cinema dinamarquês

Para celebrar os 30 anos do clássico “A Festa de Babette”- vencedor do Oscar de Melhor filme Estrangeiro em 1988, o festival Dansk!!BR vai proporcionar ao público carioca a experiência multisensorial de vivenciar todo o esplendor do universo do filme e o conto que está por trás. Em duas noites, o premiado chef dinamarquês Simon Lau recriará o famoso banquete para 150 comensais que acompanharão um concerto do grupo Scenatet apresentando a Suite central da trilha sonora e  durante o jantar haverá leitura de trechos do livro que deu origem ao filme. Lau comenta “Mesmo antes de ser chef, eu já tinha o desejo de um dia fazer esse fantástico jantar capaz de trazer por um momento o céu para a terra".

Rumpistol – DJ e produtor dinamarquês

Um dos grandes nomes da música eletrônica da Dinamarca.

Rum significa espaço, sala ou reverb em dinamarquês. Desde 2003, Jens B. Christiansen produz música eletrônica desafiadora e melódica sob o nome artístico Rumpistol, até agora resultando em seis álbuns, três EPs e muitos remixes de artistas como Efterklang, System, Indians & Blue Foundation. Rumpistol desenvolveu seu som pessoal cheio de detalhes ,explorando gêneros musicais em festivais e casa noturnas em toda a Europa, América do Norte, México, China, Rússia, e no Brasil. Em 2015, foi atração principal na abertura do Festival Multiplicidade no Planetário do Rio de Janeiro, onde colaborou com o artista digital Muti Randolph. Essa parceria cresceu quando a música do Rumpistol virou trilha sonora do show multimídia de Muti na ceremônia de abertura dos Jogos Paralímpicos no Rio 2016. Eles se reencontram no Dansk!!BR para uma nova performance e com participação também no show do BaianaSystem.

Muti Randolph – Artista digital brasileiro

Um dos maiores nomes da arte digital brasileira. Convidou o produtor/DJ dinamarquês Rumpistol para compor a trilha sonora do seu grande show multimídia na abertura dos Jogos Paralímpicos no Rio 2016. A dupla se reencontrará no festival para uma apresentação inédita e utilizarão parte da estrutura da Cidade das Artes como suporte para projeções e mapping.

CRASH! – Uma colisão em dança

Crash! é um espetáculo poético e humorístico de dança contemporânea coreografado pela dinamarquesa Stephanie Thomasen. No palco, sete dançarinos dinamarqueses e brasileiros abordam através de linguagens de movimento, questões relativas às trocas culturais, compreensão mútua e colisão entre eles. A companhia vai promover workshops de dança e debates. “Iremos adaptar o espetáculo Crash para o festival Dansk!!BR no Brasil, porque toda vez que apresentamos nós elaboramos um novo formato. Mas não importa como e o quanto ele mude, pois tenho certeza que estaremos todos de corpo e alma no palco e quem for nos assistir, irá se surpreender”, observa Vitor Hamamoto um dos bailarinos brasileiros.

ANDREAS BORREGAARD – Estreia do projeto Orelhão de música experimental com  solista de acordeão e com quarteto de cordas

Andreas é reconhecido como um dos jovens acordeonistas mais empolgantes do mundo.

No festival Dansk!!BR e pela primeira vez no Brasil, ele apresentará obras de alguns dos maiores compositores dinamarqueses, compostas especialmente para ele. Numa apresentação solo e outra junto com o Quarteto Camargo Guarnieri (SP), apresentará “Dancers & Disappearance”, a nova obra criada para ele por Bent Sørensen – ganhador do Grawemeyer Award 2018 – o maior prêmio de composição do mundo. “ A forma como o acordeão é usado na música contermporânea dinamarquesa é bem diferente do modo como é usado na música regional brasileira. Mas independente disso eu prefiro pensar que o público pretende se concentrar na música e não somente num instrumento”, ressalta o músico.

DJ MAM – Conexão Copacabana/Copenhague

Além de animar grandes eventos brasileiros, como o Reveillon na Praia de Copacabana, e dirigir seu próprio selo (e festival) Sotaque Carregado, o produtor carioca colabora com artistas dinamarqueses como Kenneth Bager e Pharfar desde 2014, e integrou o line-up do Roskilde – um dos maiores festivais da Europa. No festival, MAM apresentará um novo trabalho influenciado por sua relação com a Dinamarca  já lançado em singles como "Samba'n Ragga" e "Bum Bum vai balançar", que integrarão seu próximo álbum, Sotaque Carregado Europa, que será lançado dia 8 de dezembro em Copenhague. "Feliz em protagonizar esse intercâmbio recebendo artistas dinamarqueses  e levando a nossa cultura para os seus principais palcos. Navegaremos sob as bençãos de nossa Iemanjá Carioca e da Pequena Sereia deles”.

 
ATIVIDADES

BrincaCidade – É um movimento comprometido com uma cidade educadora, viva e que prioriza a infância. Entendendo a educação também para além da escola, nos espaços, nos encontros e nas relações. “Compreendemos a educação como uma responsabilidade coletiva, que passa por cada indivíduo e também pelos poderes públicos e esferas privadas”, explica Carolina Hornos.

De forma bem alinhada com conceitos centrais da pedagogia dinamarquesa, as atividades valorizam a infância, a família, o livre brincar, a aprendizagem e a conexão com os espaços públicos da cidade. Entre as atividades planejadas estão: Piquiniques, brincadeiras e oficinas.

Oficina Live Art -  O projeto Live Art existe desde 2004, e de lá pra cá foram realizados 13 grandes festivais internacionais e outros eventos direcionados às crianças e suas famílias.

Em formato de oficina o coreógrafo e performer dinamarquês Henrik Vestergaard vai conversar com  crianças e adultos sobre as obras de arte de diferentes artistas. Será possível, por exemplo, fazer experimentos de performance da Yoko Ono para os participantes performarem em seguida.

A oficina é aberta para todas as idades.

Virak Revy – O “Virak Revy” é um espetáculo composto por várias performances de música, dança, teatro e palavras para toda a família. Os atos e/ou performances, são escritos por artistas famosos como por ex. Yoko Ono, Marcel Duchamp e o dinamarquês Eric Andersen. No Festival DANSK!!BR o Henrik Vestergaard vai conduzir o espetáculo junto ao público e mostrar algumas performances ensaiados com as crianças e as famílias na Oficina Live Art.

O espetáculo é aberto para todas as idades e tem participação do público.

PROGRAMAÇÃO

SEXTA-FEIRA DIA 9

18H – Abertura do Hygge Lounge (Esplanada)

20H – Concerto Festa de Babette (Estreia do projeto Orelhão noTeatro de Câmara)

21H – Jantar – Festa de Babette (Restaurante)

21H – Espetáculo CRASH! (Sala Eletroacústica)

22H – SHOWS -  Abertura dos portões do Palco Principal
 
23H – DJ MAM e convidado dinamarquês

0H30 – Baiana System

2H – Rumpistol

 
SÁBADO DIA 10

10H – Abertura do Hygge Lounge (Esplanada)

10H – Oficina Live Art para crianças e adultos

11H – CINEKLAP: Big Time (Teatro de Câmara)

14H –  CINEKLAP: Design para a vida  (Teatro de Câmara)

14H – Oficina Live Art para crianças e adultos

15H – Oficina de Dança – CRASH! (Sala Eletroacústica)

16H – Artist Talk –Rumpistol (Sala de Ensaio III)

18H – Espetáculo CRASH! (Sala Eletroacústica
 
19H – Concerto Festa de Babette (Teatro de Câmara)

20H – Jantar Festa de Babette (Restaurante)

20H – Concerto Andreas Borregaard solo (Estreia do projeto Orelhão no Teatro de Câmara)

21H – DJ Rumpistol e o designer Muti Randolph ( Hygge Lounge)

22H – Mapping Challenge (Hygge Lounge)

DOMINGO DIA 11

10H – Abertura do Hygge Lounge (Esplanada)

10H– Picnic com BrincaCidade (Bosque)

11H – Espetáculo Virak Revy

11H – CINEKLAP: Um Homem em Derrocada (Teatro de Câmara)

14H – CINEKLAP: Olafur Eliasson – Espaço é processo (Teatro de Câmara)

14H – Oficina de Dança – CRASH! (Sala Eletroacústica)

17H – Espetáculo CRASH (Sala Eletroacústica)

18H30 – Concerto Andreas Borregard com Quarteto Camargo Guarnieri (Estreia do projeto Orelhão no Teatro de Câmera)

...

...

Minhas lembranças do Rio 

>>> Facebook +Rio

>>> Atrativos do Rio (inglês  / espanhol )

...

...

...