Paulo Gustavo E Déa Lucia Em: Filho da Mãe (Vivo Rio - sábado e domingo, 06, 07 e 13 de julho)

Paulo Gustavo E Déa Lucia Em: Filho da Mãe 

 

Compre Aqui o Seu Ingresso

>>>http://vivorio.com.br/compre-seu-ingresso/?esid=2446673

...
...

Data: 06, 07 e 13 de julho

Horário: sábado às 21h / domingo às 20h / 

Local: Vivo Rio

Endereço: Av. Infante Dom Henrique, 85 - Parque do Flamengo – RJ

http://vivorio.com.br/eventos/paulo-gustavo-e-dea-lucia-em-filho-da-mae/
...
...
"Minha Mãe é Uma Peça" (2004) é um divisor de águas na carreira de Paulo Gustavo. O espetáculo o tornou conhecido nacionalmente e, após sua estreia em um pequeno teatro, segue em cartaz até hoje em grandes casas para milhares de espectadores. No cinema, rendeu dois filmes e o recorde de 15 milhões de ingressos vendidos. Não é segredo que a personagem e o texto foram inspirados em sua mãe, Dona Déa Lucia, que também conquistou seus fãs com pequenas participações em projetos do filho.

Para celebrar esta relação tão especial, Paulo Gustavo e Déa Lucia estarão juntos com a turnê nacional de "Filho da Mãe", show musical em que os dois vão cantar e contar as – divertidas, é claro – histórias de tantos anos de convivência. 

Com direito a uma super banda e direção musical de Zé Ricardo, o show nasceu da vontade de Paulo de resgatar o passado de Déa, que teve uma carreira de cantora até o início dos anos 2000, quando formou um grupo responsável por animar festas de casamento, eventos, bailes e até serestas. "Ela sempre quis ser cantora. Quando precisava nos sustentar, trabalhava em colégios durante o dia e cantava à noite, mas nunca fez um show assim, em teatro, com produção, cenário e banda. Quis dar este presente e fazer esta homenagem para ela", conta o ator, que preparou uma superprodução para o primeiro encontro entre eles no palco.

A ficha técnica de peso conta com a cenografia de Zé Carratu, iluminação de Marcos Olívio e figurino de Felipe Veloso. Na banda, André Siqueira (percussão) Claudio Costa (guitarra), Marcelo Linhares (baixo), Mauricio Piassarollo (teclado) e Wallace Santos (bateria), Paulo e Déa trazem um repertório que remete à memória afetiva de ambos, além de hits mais atuais. ‘Quem foi crooner sabe cantar de tudo e gosta de cantar de tudo. Vai ter espaço para muita coisa no show além das canções mais antigas. Tem bossa nova, mas também tem axé, samba e até funk’, enumera Déa, que ressalta a alegria de ter um desafio desse tamanho aos 72 anos.

Dividido por blocos temáticos, o show começa com standards de Bossa Nova, como ‘O Barquinho’ e ‘Lobo Bobo’, entre outras lembranças afetivas do passado musical deles, como ‘Faceira’, canção de Ary Barroso que Paulo gostava de ouvir a mãe cantarolar na infância. Entre uma brincadeira e outra, eles prepararam um set em que vão interpretar hits de boate, cada um de sua época. É quando se misturam sucessos de Wanderléa (‘Pare o Casamento’) com Anitta (‘Bang’) e Preta Gil (‘Sinais de Fogo’).

 

 

...

Minhas lembranças do Rio 

>>> Facebook +Rio

>>> Atrativos do Rio (inglês  / espanhol )

...

...