Teatro

  • Peça Brimas (Teatro Clara Nunes, até 23jun)

    A partir de fatos vividos por suas avós, Beth e Simone escreveram a peça para trazer ao palco as matriarcas Ester e Marion. Ambas saíram jovens de seus países de origem, Egito e Líbano respectivamente, e foram acolhidas no Brasil no início do século passado. As personagens, uma judia e a outra católica maronita, estabelecem uma relação de amizade, convivendo com tolerância e respeito, valorizando a riqueza da diversidade cultural e religiosa de cada uma.

     

    Leia Mais >>
  • Peça Fale Mais Sobre Isso (Teatro dos Quatro, até 25jun)

    A terapeuta Laura está na faixa dos quarenta anos e, como a maioria das mulheres, divide seu tempo entre cuidar da família e da carreira. 

     

     

    Leia Mais >>
  • Peça Sobre Nós (Teatro Vannucci, até 29jun)

    A montagem tem como tema central a nossa complexidade existencial. Somos protagonistas ou coadjuvantes de nossas histórias?

    Leia Mais >>
  • Peça Blackbird (Cidade das Artes, até 01jul)

    O espetáculo inspirado em um caso real de pedofilia, traz o reencontro de um homem e uma mulher que viveram caso polêmico quando ela tinha 12 anos e ele 41. Agora eles estão cara a cara para um acerto de contas. 

    Leia Mais >>
  • Peça A Guerra Não Tem Rosto de Mulher (Teatro dos Quatro, até 04jul)

    A ideia é que elas conduzam o público neste profundo mergulho pelos horrores da guerra, mas também os façam entrar em contato com os eventos cotidianos no front e nas batalhas. Do alistamento das jovens – que não faziam ideia do que iria acontecer com elas – ao anúncio do fim da guerra, vão passar pelo palco histórias de perdas, lutas e superações, mas também histórias de amor, amizade e afeto.
     

     

     

    Leia Mais >>
  • O Homem de La Mancha (Teatro Bradesco, até 29jul)

    O enredo de “O Homem de la Mancha” traz a história de Miguel de Cervantes, poeta, ator de teatro e coletor de impostos, que é internado em um manicômio no final dos anos 1950. Junto com ele, é apresentado ao público seu criado, Sancho. O musical narra, a partir daí, diversos momentos que culminam na encenação da história de D. Alonso Quijana, fazendeiro tomado pela loucura que imagina ser D. Quixote, Senhor de La Mancha, um Cavaleiro Errante atrás de aventuras para combater o mal, assistir os indefesos e praticar o bem.

     

    Leia Mais >>
  • Peça Aérea (Teatro dos Quatro, até 15jul)

    “Aérea” explora e satiriza o universo aéreo pouquíssimo explorado pelo teatro. E discute com humor o comportamento, a postura e os códigos da relação tripulação versus passageiro.

     

    Leia Mais >>
  • Peça Édipo e O Rei, Um Acidente Mitológico (Teatro dos Quatro, até 15jul)

    Em busca da cura para a cidade, os reis descobrem que são os pais de Édipo. Tocados pela descoberta, Laio, Jocasta e Édipo traçam um rumo diferente da tragédia de Sófocles.
     

     

     

    Leia Mais >>
  • Peça Tchekhov é Um Cogumelo (CCBB, até 22jul)

    Em uma síntese livre da peça original, espécie de “Três Irmãs haicai”, são abordados temas como apatia, caos, medo e desejo de mudança, ecoando as contradições do tempo presente. O espetáculo marcou uma década da fundação da Cia. Estúdio Lusco-fusco, data celebrada no ano passado, e representa o reencontro em cena de Helena Ignez e Djin, mãe e filha na vida real.

    Leia Mais >>
  • Peça Vou Deixar de Ser Feliz Por Medo de Ficar Triste (Teatro das Artes, até 29jul)

    O espetáculo aborda as várias fases de um relacionamento amoroso, prometendo deliciosas risadas e muita reflexão.

     

    Leia Mais >>

Páginas