História e Samba Enredo 2019 da G.R.E.S São Clemente

G.R.E.S São Clemente

...

Data: 04 de março
Local: Sambódromo
...
...

Grêmio Recreativo Escola de Samba São Clemente (ou simplesmente São Clemente) é uma escola de samba brasileira da cidade do Rio de Janeiro, que foi idealizada e fundada por Ivo da Rocha Gomes, João Marinho e Aílton Teixeira. Sua melhor colocação no Grupo Especial do Carnaval foi o 6° lugar em 1990.

A escola ao longo dos anos notabilizou-se pelos enredos cheios de bom humor e críticas sarcásticas aos mais diversos temas. A São Clemente também possui equipes de futebol de areia de várias categorias, sendo um dos poucos grandes times dessa modalidade a não pertencer ao eixo Copacabana-Leblon.

A sede da São Clemente como instituição sempre esteve no bairro de Botafogo, onde permanece até hoje, bairro este com o qual a agremiação possui profundas ligações. Porém atualmente a quadra para os ensaios da escola está localizada na Avenida Presidente Vargas, na Cidade Nova.

A partir de 1984, com a construção do sambódromo os desfiles da São Clemente passaram a acontecer na Passarela do Samba de onde nunca deixou de desfilar. Em 2018, a escola completa vinte participações entre as grandes escolas do primeiro grupo, sendo que, por oito vezes consecutivamente.

Um dos grandes nomes da escola é Renato de Almeida Gomes, filho do fundador. Renatinho, como é conhecido, participa ativamente dos desfiles da agremiação desde os dez anos de idade. Já participou da comissão de frente, da ala, foi diretor de bateria, batizada de "Bateria Fiel", durante 17 carnavais, diretor de esporte e vice-presidente até chegar a presidência em 2002. Na sua gestão, iniciada em 2002, a escola conquistou três dos seus cinco títulos, em 2003, 2007 e 2010.

Visando o carnaval de 2019, a escola promove mudanças em alguns setores, como a contratação da experiente porta-bandeira Giovanna Justo, do coreógrafo Junior Scapin e dos intérpretes Bruno Ribas e Larissa Luz para dividir o carro de som com Leozinho Nunes. Para o próximo ano, a São Clemente irá reeditar o enredo "E o Samba Sambou..." originalmente apresentado em 1990 e que é um dos enredos mais famosos da escola, responsável pela melhor colocação clementiana na história - sexto lugar.

Vejam só!
O jeito que o samba ficou e sambou
Nosso povão ficou fora da jogada
Nem lugar na arquibancada
Ele tem mais pra ficar
Abram espaço nesta pista
E por favor não insistam
Em saber quem vem aí
O mestre-sala foi parar em outra escola
Carregado por cartolas
Do poder de quem dá mais
E o puxador vendeu seu passe novamente
Quem diria, minha gente
Vejam o que o dinheiro faz

É fantástico!
Virou Hollywood isso aqui (isso aqui)
Luzes, câmeras e som
Mil artistas na Sapucaí

Mas o show tem que continuar
E muita gente ainda pode faturar
Rambo-sitores, mente artificial
Hoje o samba é dirigido com sabor comercial
Carnavalescos e destaques vaidosos
Dirigentes poderosos criam tanta confusão

E o samba vai perdendo a tradição

Que saudade
Da Praça Onze e dos grandes carnavais

Antigo reduto de bambas
Onde todos curtiram o verdadeiro samba