Show

  • JOÃO CAVALCANTI E MARCELO CALDI (Theatro NetRio, 20 de setembro às 21h)

    Desnudar-se, tendo a voz acompanhada apenas por piano ou sanfona. Desprender-se dos rótulos. Alimentar-se dos mais diversos parceiros. Envolver-se com múltiplos temas. Preocupar-se com o acabamento. Essas são as etapas do processo pelo qual João Cavalcanti escolheu passar na construção de "Garimpo" (Som Livre / MP,B), produzido em duo com Marcelo Caldi, e que traz a participação do cantor português António Zambujo.

    Leia Mais >>
  • AnaVitória (Vivo Rio, 22 de setembro às 21h)

    Com um som mais pop, catártico e pulsante, o novo show é uma demonstração do amadurecimento artístico da dupla. Ana e Vitória são amigas de escola que voaram de Araguaína (Tocantins) para o panteão da música pop contemporânea brasileira.

     
     

     

    Leia Mais >>
  • Série Encontros Vocais (Sala Baden Powell, 22 de setembro às 19h)

    A Série Encontros Vocais é um evento organizado desde 2014 pelo Maestro Jonas Hammar, cujo objetivo é oferecer a diversos grupos vocais e corais  (sejam eles amadores ou profissionais), grupos de empresa ou grupos universitários, ligados à musica Clássica ou Popular, a oportunidade de se apresentarem num equipamento público conhecido da cidade do Rio de Janeiro. 

    Leia Mais >>
  • BREQUE MODERNO (Sala Baden Powell, 26 de setembro às 19h)

    O humor percorre o repertório de sambas-choro, sambas de breque e sambas sincopados, como em “Tem que rebolar”, “Samba no Nepal”, “Disse- me-Disse” e “Samba Rasgado”, além de um toque de lirismo de músicas como Joujoux e Balangandans, de Lamartine Babo.

    Leia Mais >>
  • Marília Mendonça (Vivo Rio, 28 de setembro às 22h)

    Se o público quer sofrência, Marília não perde a oportunidade e faz uma sequência com seus maiores sucessos como; “Infiel”, Sei De Cor”, “Olha só você”, entre outras. “De Quem é a Culpa” é um momento bastante especial, onde a platéia viaja no universo deste hit.  Ao interpretar “Transplante”, uma das músicas mais tocadas da atualidade, Bruno & Marrone surgem em projeção de alta definição.

     
     

     

    Leia Mais >>
  • Fagner (Vivo Rio, 29 de setembro às 21h)

    Para os shows de 2018 Fagner incluiu músicas inéditas no roteiro de grandes sucessos, viajando pelas quatro décadas de consagração popular. 

     
     

     

    Leia Mais >>
  • VELHA GUARDA DA MANGUEIRA - 100 ANOS DE GERALDO PEREIRA (Sala Baden Powell, 29 de setembro às 20h)

    Para celebrar o centenário do compositor mangueirense Geraldo Pereira, a Velha Guarda Musical da Mangueira, liderada por Nelson Sargento e Tantinho da Mangueira, interpretarão clássicos compostos por Geraldo. No repertório, sucessos como "Falsa Baiana", "Escurinha", "Sem Compromisso", "Ministério da Economia", "Cabritada Mal Sucedida", entre outras.

    Leia Mais >>
  • ALMIR SATER (Theatro NetRio, 28 e 29 de setembro às 21h)

    Almir Sater sobe ao palco acompanhado por sua viola de dez cordas, mais conhecida como viola caipira, e mostra ao público alguns clássicos de sua carreira como “Tocando em Frente”, “Chalana”, “Trem do Pantanal” e os projetos mais atuais AR (Grammy Latino 2016) e +AR (2018) em parcerias com Renato Teixeira, “D De Destino”, “Bicho Feio”, “Assim Os Dias Passarão”, “Venha Me Ver” entre outras.

    Leia Mais >>